SUA MELHOR FONTE DE INFORMAÇÃO

Blog Infinity Energias

Confirmada oferta de privatização da Eletrobras

10 de junho de 2022
 por
Infinity Energias
Confirmada oferta de privatização da Eletrobras

O processo de capitalização da Eletrobrás que teve início em meados de junho de 2021 foi concluído em definitivo ontem (09) após precificação no valor de R$42,00 por ação da companhia, e as ações estreiam na Bolsa na próxima segunda-feira (13).

O valor de R$ 42 representa um desconto em relação a cotação de fechamento de quinta-feira (09), quando as ações ordinárias da companhia terminaram o dia negociando com um preço próximo a R$ 43. Com isso, diante da menor precificação, as ações passam por um forte ajuste na abertura do pregão dessa sexta-feira (10) chegando a cair mais de 5%. O movimento de queda generalizado no mercado de ações tanto brasileiro quanto americano, refletindo o dado de inflação nos Estados Unidos mais forte do que o esperado, também contribui para a queda do papel.

Houve o levantamento de um valor aproximado de 30 bilhões de reais, que inclui uma oferta primária de 627.675.340 novas ações ordinárias emitidas, através das quais o governo brasileiro diluiu sua participação, e uma oferta secundária de 69.801.516 ações já detidas pelo BNDES.

Com participação reduzida da União, o governo terá menos assentos no colegiado de modo a abrir espaço para uma mudança da composição do Conselho de Administração, permitindo que fundos de investimento indiquem representantes. Acredita-se em uma mudança geral no quadro administrativo da Eletrobrás, incluindo todo o alto escalão.

Importante ressaltar, contudo, que o governo continuará sendo o maior acionista individual, e, portanto, terá acesso a maior porcentual dos lucros esperados, o que justifica o interesse público na operação. Ainda, o modelo estabelece uma limitação de direito de voto de 10% em participações individuais, e a nova estrutura acionária ainda não foi confirmada.

A partir da privatização, a expectativa consiste em maior eficiência, isto porque, espera-se que haja uma redução de despesas e custos, e, concomitantemente, um aumento da capacidade financeira para fins de investimento em fontes renováveis entre outras tecnologias aplicáveis ao setor energético. Adicionalmente, ao menos a curto prazo, espera-se que haja uma redução nas tarifas de energia, visto que parte do valor aportado será destinado à Conta de Desenvolvimento Energético.

Todavia, no longo prazo, espera-se que haja um aumento no valor das tarifas, na medida em que haverá uma mudança substancial na forma de comercialização da energia gerada pelas usinas da companhia, isto é, do regime de cotas, que tem valores mais baixos, para o regime de produção independente. Em outras palavras, a tarifa da energia observará o valor de mercado e não mais apenas o de custo.

Por fim, a título de exemplo, verifica-se que atualmente a tarifa do regime de cotas equivale à R$ 114,74/MWh (Resolução Homologatória nº 2.902/2021). Por outro lado, o preço médio da energia de usina hidrelétrica hoje é em torno de R$ 209,25/MWh, conforme leilão A-1 de energia existente, realizado no ano passado. 

Infinity Energias

Nós queremos saber sua opinião!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Informações
Av. Pres. Juscelino Kubistchek, 1726, 13º andar, Vl. Nova Conceição
São Paulo - SP - CEP 04543-000
(11) 2104-2500
Institucional
INFINITY ENERGIAS  © 2022 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
DESENVOLVIMENTO E PERFORMANCE PROSPECTA DIGITAL
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram